NOVA HILUX

Todos os detalhes da nova Toyota Hilux

Hilux ganha motor mais potente, atualizações no visual e sistemas de segurança ativa na linha 2021. Modelo foi lançado na Tailândia e deve chegar ao Brasil ainda este ano

05/06/2020 07h33Atualizado há 1 mês
Por: Portal Repercutiu
Fonte: estadão / jornal do carro
PICAPE TEM DIANTEIRA RENOVADA E MAIS ITENS DE SÉRIE Crédito: Toyota/Divulgação
PICAPE TEM DIANTEIRA RENOVADA E MAIS ITENS DE SÉRIE Crédito: Toyota/Divulgação

Toyota revelou por completo as mudanças para a picape Hilux. O modelo apareceu na Tailândia com atualizações no visual, mais tecnologia na cabine e um motor mais forte. As melhorias já haviam sido antecipadas por flagras e imagens vazadas anteriormente.

As mudanças, no entanto, não são radicais. A Hilux tem novos faróis, parachoque e grade frontal, bem como inéditos arcos de roda com proteção plastica. É a segunda mudança visual na atual geração da picape. Perfil e traseira têm mudanças ainda mais sutis, com adesivos na carroceria e lanternas levemente redesenhadas. A maçaneta da tampa da caçamba também é nova.

A maior novidade, no entanto, está sob o capô. O 2.8 turbodiesel de quatro cilindros ficou mais potente. Agora, o propulsor entrega 204 cv, ante 177 cv do modelo anterior. O torque chega a 51 mkgf, também superior às versões atuais.

Além da potência maior, a Toyota mexeu na suspensão, para deixar a picape melhor de guiar. Até então, a Hilux era notoriamente mais macia do que concorrentes como Ford Ranger e VW Amarok. Embora confortável, inspirava menos confiança em manobras de emergência.

Hilux mais completa

A cabine continua quase igual ao modelo atual. A diferença está na central multimídia, mais moderna. A Hilux finalmente ganhou um sistema melhor de usar, calcanhar de Aquiles das versões atuais. Há Android Auto e CarPlay.

As versões de topo na Tailândia também têm o pacote Safety Sense, presente em outros Toyota. Com isso, a picape ganha itens de segurança ativa como frenagem automática de emergência, alerta de colisão iminente e monitor de faixa de rolamento. Há ainda controle de cruzeiro adaptativo. Até então, o item era exclusivo da Ranger vendida no Brasil.

A SW4 também passou por mudanças visuais, e também ganhou motor mais forte e itens de segurança. Os novos utilitários são aguardados no País ainda em 2020.

Municípios
Últimas notícias
Mais lidas